Pare de procurar por uma Alma Gêmea.

Existem 7 bilhões de pessoas no mundo e talvez você seja o tipo de pessoa que acredite que, neste universo, existe alguém para ser “a tampa da sua panela”, ou talvez gostaria de chamá-la de sua “alma gêmea.” Talvez você esteja buscando há anos por isso. Saiba que pesquisas têm apontado a ideia de que esta crença pode ser a receita do fracasso de seus relacionamentos.
Ter a ideia de que a sua alma gêmea existe pode estar relacionado a todos os tipos de pensamentos doentios sobre como a vida amorosa deve ser.
Vou explicar.
Você se apaixona e inicia um relacionamento. Todos os relacionamentos têm um ciclo, fases, processos que tendem a seguir. O amor apaixonado – quando você passa a maior parte do tempo pensando na sua alma gêmea – sem querer desapontá-lo, durará apenas alguns meses. O que realmente importa é o que acontece a seguir, ou seja, o que realmente importa é:

como você reagirá quando a sua alma gêmea começar a parecer menos perfeita?

As pessoas que mantém fortes crenças na existência de uma alma gêmea tendem a perder o interesse em seu parceiro muito mais rápido do que as outras e tendem a desistir com muito mais facilidade quando o relacionamento parece um pouco mais complicado.
Se você é daquelas pessoas que acredita no “estamos destinados a ficar juntos” ou “Deus fez você pra mim”, é muito mais provável que você veja as coisas negativas em seu relacionamento como um indicador de que talvez você tenha feito a escolha errada. Invariavelmente você se perguntará: Se foi Deus quem nos uniu ou se nosso destino já estava traçado, porque as coisas tem sido tão difíceis em nosso relacionamento? Sua resposta a esta pergunta equivocada pode selar o fracasso do seu relacionamento.
Mas, se você nutre uma mentalidade do tipo que enfrenta as dificuldades, ou como dizem os psicólogos norte-americanos, uma mentalidade Work-Through-It, então você entende que, tanto coisas boas como coisas ruins acontecem como parte do processo natural da vida e que todos os relacionamentos passarão por dificuldades.
Você entende que o que importa não são as dificuldades encontradas e sim como você responde a essas dificuldades.

É por isso que, o fator determinante para o sucesso de seu relacionamento é como você resolve os problemas e as dificuldades da sua vida e de seu relacionamento.

Pessoas que tem uma mentalidade “work-through-it” irão lidar muito melhor nos seus relacionamentos quando a fase do amor apaixonado acabar e os problemas normais começarem a surgir.

Pare e pense:

  • Pergunte a si mesmo que tipo de visão você tem? Você acredita que as coisas estão destinadas a acontecer? Ou você acredita que as coisas acontecem como uma conseqüência do quanto de esforço e dedicação você coloca nelas? Tente perceber o que você pode controlar e o que você não pode. Entenda que para se tornar realmente bom em qualquer coisa (incluindo relacionamentos), são necessárias milhares de horas de prática.
  • Comece a olhar para seu relacionamento com a mentalidade “work-through-it”. Entenda este olhar como algo romântico; pode não haver uma alma gêmea predeterminada esperando para ser encontrada mas, ao longo do tempo, você pode, certamente, experimentar a sensação de uma pessoa específica sendo sua alma gêmea se tão somente você estiver decidido a trabalhar duro em seu relacionamento, se comprometendo e aprendendo a entender muito bem o seu parceiro.
  • Cuidado com a lenda da alma gêmea . As pessoas que acreditam no destino provavelmente também acreditam que um parceiro pode ler sua mente sem qualquer comunicação específica – se ele é minha alma gêmea, ele entenderá o que eu preciso. Homens e mulheres são extremamente diferentes em suas necessidades de relacionamento. É preciso aprender a se comunicar e isto é um trabalho duríssimo. Outra crença equivocada é a de que o sexo em um relacionamento sempre será bom – as evidências realmente mostram que o sexo mudará à medida que um relacionamento muda e que uma vida sexual “boa” precisa ser nutrida por meio de uma prática contínua. Ou seja, é preciso trabalhar arduamente.

2 Comments

  1. Entendo, acredito que isso possa ocorrer com a maioria das pessoas, mas penso diferente. Para mim, existe sim alma gêmea, mas ela não deve seu uma busca, senão enlouquecemos mesmo porque, não necessariamente ela vem como uma parceira amorosa “sexual”, ela pode vir de maneiras diferentes em cada encarnação, nem vir em algumas ou vir porém não nos cruzarmos. O destino existe mas o livre árbitro vem antes, ou seja, podemos usar vários caminhos para chegar até ele, nos perdermos e não chegarmos até ele ou simplesmente abnega-lo. Como disse ele pode vir de várias maneiras. Como um filho (a), mãe, pai, irmão (a), amigo (a), etc… Não adianta procurar, se nesta vida estivermos predestinados a nós encontrar, não será necessário buscá-la. Alma gêmea é espiritual e não carnal. Minha opinião é baseada em estudos espirituais e não científico, isto é, não tenho como provar por números, estatísticas. Apenas crer, é uma questão de fé.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s